Associe-se
Area Restrita

A maior usina industrial de energia de pilha a combustível do mundo e a primeira a usar apenas hidrogênio reciclado a partir fabricação petroquímica foi posta em operação pela Hanwha Energy em seu Complexo Industrial Daesan em Seosan, Coreia do Sul.

De acordo com a empresa, a usina de 50 MW tem capacidade para gerar até 400.000 MWh de eletricidade anualmente, o que ela afirma ser suficiente para abastecer 160.000 residências sul-coreanas, além de fazer parte da estratégia de estabelecer um roadmap para a economia do hidrogênio no país.

As pilhas a combustível diferem-se da tecnologia convencional que utiliza combustível fóssil - depende da combustão para produzir vapor e girar uma turbina - ao combinarem hidrogênio e oxigênio em uma reação eletroquímica, gerando eletricidade. Os únicos subprodutos dessa reação são o calor e o vapor d'água, tornando as pilhas a combustível uma forma atraente de reduzir as emissões de carbono, de acordo com a Hanwha Energy.

A planta do Complexo Industrial Daesan contém 114 pilhas a combustível. A planta Hanwha Total Petrochemical produz até três toneladas de hidrogênio por hora. O hidrogênio reciclado é bombeado para a nova usina por meio de tubos subterrâneos e alimentado diretamente nas pilhas a combustível. A eletricidade é então gerada pela reação eletroquímica. Nenhum gás de efeito estufa é emitido

Para saber mais, acesse AQUI.

Topo