Associe-se
Area Restrita

airbus h2 dash Paul Eremenko, ex-executivo da Airbus e da Raytheon Technologies, é cofundador de uma empresa que visa trazer o hidrogênio combustível e seu sistema de abastecimento para aviões regionais tão breve quanto 2024. A startup Universal Hydrogen planeja primeiro integrar a tecnologia em um De Havilland Canada Dash 8-300 modificado, com objetivo final de produzir um avião do tipo corredor único para conectar o ponto de produção de hidrogênio com o ponto de consumo. Acredita-se que esse projeto dê início ao mercado de aviação com combustível de hidrogênio e crie negócios para uma ampla rede de suprimento de hidrogênio

"Ao contrário das baterias de hoje, o hidrogênio tem densidade de energia suficiente para aplicações em aviões de passageiros, isto é, muito denso em energia e, também, completamente limpo”, diz Eremenko sobre o hidrogênio como combustível. O hidrogênio pode ser usado para gerar eletricidade com as pilhas a combustível ou queimado por turbinas a gás. Também pode ser usado na indústria química para produzir combustíveis sintéticos, dentre outros. Considerando as limitações significativas de densidade de energia das baterias e a as emissões de gases do efeito estufa provenientes da aviação, o uso hidrogênio combustível representa o único caminho viável para a descarbonização do sistema

Para saber mais, acesse AQUI

Topo