Associe-se
Area Restrita

WhatsApp Image 2020 08 04 at 13.51.01A AHK Rio divulgou a oitava parte de suas publicações semanais da série informativa sobre a Estratégia Nacional Alemã para o hidrogênio. Confira um pequeno trecho abaixo, e a íntegra no site da AHK Rio.

Artigo 8: Plano de ação para os setores de pesquisa, educação e inovação

A pesquisa é um elemento estratégico do setor de energia e da política industrial. A NWS objetiva trazer as inovações desenvolvidas em laboratório para aplicação em escala industrial de forma mais ágil e ativa que atualmente, com laboratórios vivos servindo como exemplo. Além disso, a indústria do hidrogênio precisa de mão de obra qualificada, portanto serão abertos novos caminhos para a cooperação entre educação e pesquisa. O plano inclui medidas apresentadas a seguir:

Medida 23: As atividades de pesquisa são orientadas pelas necessidades do mercado, desenhado com o apoio da ciência, da economia e da sociedade civil.  A Alemanha quer se posicionar como o principal fornecedor de tecnologias de hidrogênio no mercado mundial.

Medida 24: O relacionamento com os fornecedores para trazerem soluções robustas e soluções modulares a serem testadas em todo o mundo é essencial para o desenvolvimento das tecnologias.

Medida 25: Em um novo programa de pesquisa interdepartamental, "Hydrogen Technologies 2030", o direcionamento sobre as principais tecnologias de hidrogênio está estrategicamente agrupado em elementos centrais desse programa, como o projeto de pesquisa em larga escala e os projetos no setor de transportes, além de outros. 

Medida 26: Um projeto piloto de aconselhamento científico para políticas governamentais foi lançado há pouco tempo. O projeto inclui o desenvolvimento de um modelo de qualidade, especialmente no que diz respeito a todos os requisitos de segurança, avaliação do sistema e eficiência da planta em conformidade legal, e cálculo de faturamento com base em métodos de medição confiáveis. Os obstáculos no cenário jurídico nacional e europeu devem ser identificados e com base nisso, formuladas sugestões para seu aprimoramento.

Medida 27: No campo da aviação, há um programa de pesquisa com incentivo para energia elétrica híbrida. Prevê-se capacitar o sistema através de conceitos de unidade disruptiva (como a pilha a combustível e o motor gerador H2) e fonte de alimentação sustentável em terra (pilha a combustível multifuncional).

Medida 28: Continuação das medidas de apoio no setor marítimo através do Programa de Pesquisa Transversal "Maritime Green" e  preparação a iniciativa de parceria, na União Europeia,  "Transporte Por Via Aquática De Emissão Zero" para o novo “HORIZON Europe” com o objetivo de construir navios com zero emissões e ciclos fechados de material.

Medida 29: Fortalecer a educação e o treinamento a nível nacional e internacional com a criação e ampliação de cursos e especializações para formar e capacitar profissionais no campo das tecnologias de hidrogênio. Serão estudadas novas formas de ensino que combinem educação e pesquisa, por exemplo, através de centros de competência de instituições de pesquisa e universidades. Ademais, serão estabelecidas parcerias de treinamento profissional com países exportadores.

Para saber mais e ler o artigo na íntegra, clique AQUI

Topo